Como fazer o cadastro ID Jovem 2022? ( Passo a Passo Completo )

Jovens que são de famílias de baixa renda podem fazer a ID Jovem 2022 e ter acesso a vários benefícios.

Porém nem todos eles sabem o que é e como fazer a ID Jovem 2.0 para fazer valer seus direitos.

Este artigo visa ser um guia para que todos entendam o funcionamento deste documento.

E que, assim, possam tê-lo em mãos para pagar meia-entrada em eventos ou fazer viagens interestaduais sem pagar.

Veja tudo isso e muito mais nos tópicos seguintes.

O que é ID Jovem 2022?

Identidade Jovem ou, simplesmente, ID Jovem é o nome do documento destinado ao jovem de baixa renda que permite que este possa ter acesso a uma série de benefícios e vantagens.

O documento foi criado pelo Decreto nº 8.537, de 5 de outubro de 2015 e pode ser utilizado por todos que se enquadrarem dentro dos critérios.

Apesar de ser muito procurado, ele ainda não é conhecido por todos os brasileiros que têm direito, por isso é importante fazer a divulgação para que eles conheçam este excelente recurso.

Quem tem direito?

Para poder emitir a ID Jovem 2.0 e usufruir dos benefícios o cidadão precisa:

  • Possuir entre 15 e 29 anos(não é necessário ser estudante);
  • Possuir renda familiar de, no máximo, dois salários mínimos;
  • Possuir inscrição no Cadastro Único e estar com ela atualizada; e
  • Ter em mãos o número do NIS.

Se possuir tudo isso, já é possível emitir o documento de forma simples utilizando o site oficial do Governo Federal.

Quais são os benefícios?

Os benefícios concedidos pela ID Jovem 2022 são:

  • Meia-entrada em eventos artísticos, culturais e esportivos; e
  • Gratuidade ou desconto no transporte coletivo interestadual.

Com isso pode-se, por exemplo, pagar meia-entrada em shows ou cinemas e viajar gratuitamente para outro estado.

Como fazer a ID Jovem 2022?

O passo a passo para fazer a ID Jovem 2022 envolve duas etapas: (1)fazer a inscrição no Cadastro Único e (2)emitir o documento no site oficial.

Separamos isso em dois tópicos, que podem ser vistos a seguir, para que entenda de forma bem completa cada um dos passos.

Inscrição no Cadastro Único

O primeiro passo é buscar por informações sobre o local de atendimento para a inscrição no Cadastro Único no município e se é necessário agendamento para fazê-lo.

O atendimento é feito por funcionários da prefeitura e cada cidade adota locais e metodologias diferentes para isso, mas, normalmente, o atendimento é feito no CRAS mais próximo da casa do cidadão.

Após se informar corretamente, basta comparecer o local de atendimento no horário propício levando:

  • CPF ou Título de Eleitor do responsável familiar; e
  • CPF, Título de Eleitor, Carteira de Trabalho, Identidade ou Certidão de Nascimento de cada uma das outras pessoas que morarem na casa.

Também pode ser levado o Termo RANI para o caso de famílias indígenas.

Além disso, também podem ser levados documentos como declaração escolar dos estudantes e contracheque dos trabalhadores residentes no domicílio para facilitar o atendimento.

Atenção!

O cadastramento só pode ser feito por quem possuir 16 anos ou mais, caso contrário, outra pessoa deverá fazer a inscrição no Cadastro Único.

Após reunir a documentação de todos que moram na casa e comparecer ao local propício, basta responder ao questionário com informações sobre o domicílio e seus moradores e assinar a confirmação de inscrição para fazer o cadastro.

Depois é só aguardar alguns dias para que o NIS possa ser gerado para ser utilizado para fazer a ID Jovem 2022. Caso já possua cadastro ativo, é possível fazer a consulta do NIS pela Internet por meio do Cadastro Único Online: cadunico.dataprev.gov.br/#/home.

Emissão no site oficial

ID Jovem Gerar

Com o Cadastro Único atualizado e o número do NIS em mãos, basta acessar o site oficial da ID Jovem 2022(www.gov.br/mdh/pt-br/idjovem) para emitir o documento.

Para fazer a emissão é necessário informar os dados da mesma forma que se encontram no cadastro único, sendo eles: número do NIS, nome completo, nome completo da mãe e data de nascimento.

Também é possível fazer a emissão através do aplicativo disponibilizado para Android e para iOS, podendo ser baixado por meio da loja oficial do smartphone.

Como conseguir os benefícios e como funciona?

Para usufruir dos benefícios basta informar à empresa de transporte coletivo interestadual ou ao estabelecimento no qual fará a compra dos ingressos que deseja fazer o uso da ID Jovem para comprar a passagem, bilhete ou ingresso.

As empresas são obrigadas por lei a permitir que os jovens exerçam seus direitos e tenham acesso aos benefícios vinculados ao documento, porém é necessário sempre informar isso no momento da compra.

Perguntas frequentes

Conclusão

ID Jovem 2022 é um dos benefícios vinculados ao Cadastro Único e pode ser emitida pela internet utilizando o site do Governo Federal(www.gov.br/mdh/pt-br/idjovem). Para emitir o documento é necessário ter em mãos o número do NIS gerado no Cadastro Único e os dados do cidadão.

A ID Jovem 2.0 serve para que o jovem de baixa renda possa comprar ingressos em eventos artísticos, culturais ou esportivos e pagar meia-entrada. Além disso, concede duas vagas com gratuidade em transporte coletivo interestadual e duas vagas com desconto mínimo de 50% caso esgotem-se as gratuidades.

5/5 - (44 votes)

Faça um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.